Cinco Discos Para Conhecer: Jimmy DeGrasso

3 de agosto, 2012 | por Van do Halen
Cinco Discos Para Conhecer
1

Por Igor Miranda (Publicado originalmente no site Van do Halen)

O baterista Jimmy DeGrasso nunca recebeu os créditos que merece pelo seu talento, sua habilidade e sua percepção musical apurada. Isso se dá pelo fato de ter participado de fases conturbadas de grandes bandas. Mas passe a apreciá-lo através da lista dessa semana, que traz cinco discos para conhecer seu trabalho variado e sempre competente.
Y&T – Yesterday And Today Live [1991]
Já sem a formação original, o Y&T não contava com o mesmo sucesso que, de forma suada, conquistou antes. Jimmy DeGrasso entrou para o grupo após a saída de Leonard Haze e gravou dois discos até a banda anunciar o fim das atividades. Felizmente, o hiato durou por apenas quatro anos. Antes da pausa, contudo, trataram de colocar um belíssimo disco ao vivo nas prateleiras. Eu poderia muito bem trazer um dos dois plays gravados com DeGrasso, mas Yesterday And Today Live é emocionante do começo ao fim. Merece estar nessa lista! Além do ótimo repertório, os caras tocam com enorme energia. A impressão é que nunca mais farão um show na vida, mesmo separados. E, acima de tudo, é simplesmente incrível o que Dave Meniketti faz em cima de um palco.
1. Meanstreak
3. Don’t Stop Runnin’
4. Struck Down
6. Black Tiger
7. Midnight In Tokyo
8. Beautiful Dreamer
9. Hard Times
11. I Believe In You
12. Squeeze
13. Forever
Dave Meniketti (vocal, guitarra solo), Phil Kennemore (baixo, backing vocals), Stef Burns (guitarra base, backing vocals) e Jimmy DeGrasso (bateria)
Fiona – Squeeze [1992]
A bela cantora Fiona se consagrou com três ótimos discos lançados nos gloriosos anos oitenta. Algo que se tornou um padrão em seus álbuns é o trabalho com músicos incrivelmente competentes. Como praticamente todos os integrantes do Winger, Joe Franco (Twisted Sister), Brad Gillis (Night Ranger) e muitos outros. Squeeze, quarto e último trabalho de inéditas da vocalista, não é diferente dos demais. Traz, entre outros nomes, o guitarrista Dave Marshall (posteriormente conhecido por trabalhar com Vince Neil e Mitch Malloy) e o poderoso Jimmy DeGrasso no banco da bateria. A fórmula dos trabalhos antecessores segue poderosa por aqui: AOR fabuloso, grudento, bem tocado e pronto para fazer a cabeça de qualquer bom ouvinte de Hard melódico.
2. Ain’t That Just Like Love
5. The Best Is Yet To Come
6. Squeeze
7. Don’t Come Cryin’
8. Nobody Dies Of A Broken Heart
9. Mystery Of Love
10. Life On The Moon
Fiona (vocal), Dave Marshall (guitarra, backing vocals), Laura McDonald (baixo, backing vocals) e Jimmy DeGrasso (bateria, backing vocals)
Músicos adicionais:
Scott Douglas MacLachlan (vocal), Kim Bullard (teclados), Craig Stull (steel guitar) e Tommy Girvin (guitarra)
Suicidal Tendencies – Suicidal For Life [1994]
O Suicidal Tendencies já não era a mesma coisa daquele que o consagrou no fim da década de 1980. Apesar da presença de Jimmy DeGrasso nas baquetas – endiabrado como sempre –  as composições não contavam com aquela mesma agressividade e inspiração de outrora. As vendas foram baixas e a crítica não gostou muito, mas não é motivo para desdenhar do disco. Suicidal For Life traz bastante maturidade, principalmente no instrumental. O time de feras era formado pelo próprio DeGrasso, o baixista Robert Trujillo e a dupla de guitarristas Mike Clark e Rocky George (um monstro das seis cordas). A banda, infelizmente, não aguentou a pressão e se separou no ano seguinte, iniciando uma onda de reuniões e despedidas. O grupo deixou um bom trabalho final. Só precisa ser apreciado adequadamente!!
1. Invocation
2. Don’t Give A Fuck
3. No Fuck’n Problem
5. Fucked Up Just Right!
6. No Bullshit
7. What Else Could I Do?
9. I Wouldn’t Mind
10. Depression and Anguish
11. Evil
12. Love vs. Loneliness
13. Benediction
Mike Muir (vocal), Rocky George (guitarra), Mike Clark (guitarra), Robert Trujillo (baixo) e Jimmy DeGrasso (bateria)
Alice Cooper – A Fistful Of Alice [1997]
Alice Cooper sempre tocou com músicos competentes. O line-up do ao vivo A Fistful Of Alice impressiona até o mais experiente dos músicos de Rock. A banda era composta por dois ex-Winger (Reb Beach e Paul Taylor), além de Ryan Roxie (Slash’s Snakepit, Gilby Clarke), Todd Jensen (Hardline, Ozzy Osbourne) e o homenageado do dia, Jimmy DeGrasso. Apesar de relativamente curto, o repertório é recheado de clássicos. Isso tudo, sem contar as participações especiais de Slash, Rob Zombie e Sammy Hagar. Este último, também anfitrião da noite por receber a banda em seu pub no México. Com um time de estrelas, um set-list cheio de clássicos e um Alice que simplesmente não envelhece, não há nada para reclamar.
1. School’s Out (com Sammy Hagar)
2. I’m Eighteen
3. Desperado
4. Lost in America (com Slash)
5. Teenage Lament ’74
6. I Never Cry
7. Poison
8. Billion Dollar Babies
9. Welcome to My Nightmare
10. Only Women Bleed (com Slash)
11. Feed My Frankenstein (com Rob Zombie)
12. Elected (com Rob Zombie e Slash)
Alice Cooper (vocal), Reb Beach (guitarra), Ryan Roxie (guitarra), Todd Jensen  (baixo), Jimmy DeGrasso (bateria) e Paul Taylor (teclados)
Megadeth – The World Needs A Hero [2001]
O Megadeth estava em crise no período de mudança de milênio. O baterista Nick Menza havia abandonado o barco e foi substituído por Jimmy DeGrasso. Lançaram o amplamente fracassado Risk. O guitarrista Marty Friedman também deu no pé, sendo substituído por Al Pitrelli. A nova formação precisava provar seu poder de fogo!!! O Megadeth foi uma das grandes bandas de metal que brilharam na década de 1990. The World Needs A Hero mantém a abordagem comercial do álbum antecessor, mas recupera parte do Heavy/Thrash visceral que consagrou a trupe de Dave Mustaine. A formação competente dá um brilho a mais no registro. Não só pela presença de DeGrasso – um verdadeiro monstro na bateria – mas também pelas ótimas linhas de guitarra do grande Al Pitrelli. Músicas como “Dread And The Fugitive Mind” e “Burning Bridges” mereciam mais atenção nos repertórios do grupo.
1. Disconnect
2. The World Needs a Hero
4. 1000 Times Goodbye
5. Burning Bridges
6. Promises
8. Losing My Senses
9. Dread And The Fugitive Mind
10. Silent Scorn (instrumental)
11. Return To Hangar
12. When
Dave Mustaine (vocal, guitarra), Al Pitrelli (guitarra, backing vocals), Dave Ellefson (baixo, backing vocals) e Jimmy DeGrasso (bateria)



1 Comentario

  1. Carlos disse:

    Grande músico,
    dos discos citados o que mais gosto é o ao vivo com Titia Alice Cooper…
    esse A Fistful Of Alice é uma aula de boa música…
    e DeGrasso toca com extrema competência, do jeito que as músicas devem ser tocadas, e que line up absurdo é esse aí, só peixe grande…
    tanto na Y&T quanto com Alice Cooper, DeGrasso mostra sua competência, ele não toca de cabeça pra baixo e nem na velocidade da luz, ele dá à música o que ele pede e eu aprecio muito esse tipo de músico!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *